sábado, abril 07, 2007

A propósito

O inesquecível cantor e compositor Jessé

Paraíso das Hienas
Composição: Accioly Neto

Abençoai as hienas
Principalmente as morenas
Tricampeãs mundiais
Pois desse lado do muro
O jogo é tão duro, meu pai
Que só ter piedade de nós não vale a pena

Oração não voga quando não há vaga
Coração não roga quando só há raiva
E a roupa do corpo três vezes ao dia
Novena não paga ao homem da venda
Não adianta nada, não enche barriga
Subir de joelhos as escadarias

Abençoai as hienas
Principalmente as "da Silva"
Campeãs de carnavais
Pois desse lado do beco
O olhar é tão seco, meu pai
Que só ter piedade de nós não vale a pena

Oração não voga quando não há vaga
Coração não roga quando só há raiva
E a roupa do corpo três vezes ao dia
Novena não paga ao homem da venda
Não adianta nada, não enche barriga
Subir de joelhos as escadarias

Abençoai as hienas
Principalmente as morenas
Tricampeãs mundiais
Pois desse lado do muro
O jogo é tão duro, meu pai
Que só ter piedade de nós não vale a pena


Que só ter piedade de nós não vale a pena

2 comentários:

Patacoadas do Cleber disse...

Que letra legal, Lauro. O Jessé era realmente um grande interprete. Diziam que ele era brega, mas eu, pouco importo com esses rótulos pois penso que há música boa e ruim e ele tinha qualidades excepcionais como músico. Um forte abraço para você e que possa desfrutar intensamente essa data junto dos familiares e amigos.
Ps: conforme sua sugestão, continuei a historinha da semana passada.

Alcinéa disse...

Oi, querido!
Vim te desejar uma Páscoa gostosa e doce como chocolate.
Beijos